image

O educador físico Gean Faygner de Souza Santos, 28 anos, assassinado a tiros na noite de terça-feira (11) no bairro Residencial Coxipó, em Cuiabá, postou um vídeo nas redes sociais agradecendo pela vida momentos antes do crime. Nas imagens, o jovem demonstra tranquilidade e pede para que as pessoas sejam gratas em todos os momentos da vida.

Gean chega a falar no vídeo que deve-se agradecer mesmo em situações adversas. “Agradeça. Fale a Deus muito obrigado. Você vai criar esse hábito de agradecer mesmo se acontecer ao contrário da forma que você queria”, disse.

Em sua página no Facebook, Gean Faygner tinha o costume de postar mensagens motivacionais e também sobre a palavra de Deus. Segundo amigos, ele era evangélico.

Horas após a publicação do vídeo, a vítima foi atingida com cerca de sete disparos de arma de fogo. Os tiros foram efetuados por dois criminosos que estavam em um veículo Honda Civic.

CRIME PASSIONAL

A morte de Gean Faygner está sendo investigada pela Delegacia e Homicídios e Proteção a Pessoa (DHPP). Uma das hipóteses é de crime passional (envolvendo paixão), já que a vítima não tinha passagens criminais e nenhum objeto pessoal foi levado pelos assassinos.

Familiares afirmaram que o jovem não possuía nenhuma conduta que pudesse levantar desconfiança sobre o seu comportamento. O jovem, que também era educador físico, ficou conhecido nas redes sociais após ganhar uma motocicleta no Programa do Pop, do SBT Cuiabá.

Boatos nas redes sociais revelan que Gean Faygner seria ‘pegador’ e não dava mole para a mulherada que contratava seus serviços. Um dessas mulheres teria contado ao marido que foi assediada pelo preparador fisico. Essas e outras hipotes – meras hipoteses – serão investigadas pela DHPP

Nas redes sociais, amigos e familiares fizeram homenagens e lamentaram a morte do rapaz. Até o momento ninguém foi preso.

Por: A Bronca popular