Festival Palco Perebas exibe mais de 20 apresentações

 

O Festival Palco Perebas exibe mais de 20 apresentações. São peças de teatro da Bahia, Ceará, São Paulo, Rondônia, entre outros estados. Além das variedades regionais, oferece oficinas, bate-papos, entrevistas e vivências com os grandes mestres e estudiosos do Teatro Matogrossense. Artistas, como Amauri Tangará, Carlos Ferreira, Sandro Lucose e Vital Siqueira serão entrevistados ao vivo.

Essa é a sua primeira edição e será totalmente online transmitida direto das redes sociais do Grupo de Teatro Perebas (@TeatroPerebas). O Evento iniciou dia 6 e segue até o dia 25 de março. O público pode acompanhar e interagir com os grupos e convidados mandando mensagens, perguntas ou curiosidades.

No primeiro dia teve apresentação do grupo de teatro “Grupo Pavilhão Da Magnólia” de Fortaleza- CE, com o espetáculo “Ogreleto” que conta a história de uma criança que descobre que não é igual às outras e tem que aprender a se aceitar e lidar com essa diferença. “Ogreleto” de Suzanne Lebeau dialoga com questões contemporâneas das crianças e dos adultos. No primeiro Domingo do mês dia (7), teve oficina de voz e técnica vocal para cantores, atores e estudantes de teatro ministrado por Eric D’Ávilla, de São Paulo/SP. Essa oficina acontecerá todos os domingos do mês, até o fim do evento, das 13h às 16h.

Mais duas oficinas serão ministradas no festival, ambas aos sábados. A primeira com o “Grupo Penumbra”, Cuiabá-MT, que já finalizou com sucesso nas suas inscrições e participações. E outra no dia 20 de março, com a “Tripe Ave Lola”, Curitiba-PR. Interessados devem ligar para o grupo de Teatro Perebas (65)9 9670- 6700. Espetáculos de grupos Matogrossense como: “Theatro Fúria”, “Cia Mosaico”, “Tibanaré”, “Penumbra”, “Cena Onze”, “In-Próprio”, “Teatro Faces” e “Teatro Grutta” ajudam a compõem a programação. A curadoria do festival é de Jefferson Jarcem(Cuiabá) e Mary Costa(Tangará).

Demais peças e grupos participantes, completam o cronograma de apresentações da seguinte forma: Participações do Mato Grosso serão dos dias 15 a 22 do mês, dando destaque ao grupo Teatro Faces de Primavera do Leste-MT, que já se apresenta nesta segunda (15) com o espetáculo “A Fábrica de Brinquedos”. A história conta a aventura de três crianças que embarcam numa viagem emocionante assim que O excêntrico Senhor Bigode permite que Mila, Pedro e Felipe conheçam sua fábrica mágica.

No dia 16 de março é a vez do “Grupo Tibanaré” de Cuiabá-MT, com a peça “Fiu Fiu- Um encontro de pássaros”. A história reanima o charme da conquista e reacende os corações que já estavam desacreditados pela intolerância. Cansados de voarem sozinhos dois pássaros diferentes se encontram e se surpreenderam com o destino brincalhão. A peça não tem faixa etária é para crianças e adultos. A “Cia Mosaico” traz o espetáculo “Anjo Negro” no dia (17) quarta-feira. Outro espetáculo em cartaz é o “Tramando Esopo” do grupo “Theatro Fúria”, Cuiabá-MT no dia 22 de março.

Na tarde das Terças- Feiras (09), (16), (23) e Quintas-feiras (11), (18), (25) “O Papo Perebas” estará ao vivo pelo Instagram. São bate-papos com artistas convidados que passarão pelo festival. A primeira semana do festival foi completada com muito sucesso e aclamações de participantes e internautas. Todos acompanharam peças como do Grupo “O Imaginário”, de Porto Velho-RO, apresentou a peça de teatro “A Borracheira”. Também teve a apresentação da “Trupe de Ave de Lola”, Curitiba-PR, apresentando o espetáculo “Manaós- Uma saga de Luz e Sombra” que é uma continuidade da pesquisa poética da Trupe. O enredo da peça acontece na época áurea do ciclo da Borracha, em Manaus, em 1911. E no dia 13(Sábado), às 20h, “CÁRCERE em Quarentena” de Vinicius Piedade, São Paulo-SP, entrou ao vivo no festival, e ainda participou de uma entrevista com o Diretor Valter Lara.

São cinco espetáculos ao vivo e na íntegra durante as semanas do evento. Tem experimento teatral para crianças, tem interação e participação do público/internauta é muito mais. O Palco Perebas é um dos projetos do grupo contemplado desse ano no edital da Lei Aldir Blanc do Mato Grosso, publicado pela Secretaria de Estado de Mato Grosso (SECEL) no início de 2021. Um incentivo do Governo Federal aos artistas e grupos culturais afetados pela pandemia da Covid-19. Você acha que acabou? Ainda tem muita coisa pra rolar durante esse mês. Se ainda não assistiu um espetáculo no PALCO PEREBAS FESTIVAL DE TEATRO corre que ainda dá tempo. Tem muita coisa boa e vale a apena conferir.

A programação completa estará disponível no Facebook e Instagram do grupo Perebas, assim como as apresentações já exibidas. Confere lá e compartilhe com os amigos e familiares.

Assessoria