Fronteira entre Brasil e Bolívia será fechada — Foto: Lucas Lélis

Por G1 MT

O Ministério da Saúde e Esportes da Bolívia confirmou, nesta quinta-feira (1°), o fechamento da fronteira da Bolívia com o Brasil, por medidas de segurança contra a disseminação da Covid-19. Mato Grosso está entre os quatro estados brasileiros que fazem fronteira com a Bolívia.

A embaixada boliviana definiu medidas obrigatórias para viajantes que estiverem entrando no país, como forma de evitar que novas variantes dos vírus se alastrem para as cidades de fronteira e cheguem no país.

De acordo com as determinações, qualquer pessoa com mais de 5 anos de idade deve apresentar o resultado negativo do exame RT-PCR em até 72 horas antes do embarque do país de origem. A regra vale para pessoas bolivianas ou estrangeiras que estejam entrando no país por via aérea.

Para bolivianos ou estrangeiros que irão entrar no país por via terrestre ou fluvial, o exame deve ser apresentado até 72 horas antes da entrada do viajante na Bolívia.

Isolamento por, pelo menos dez dias após a entrada no território boliviano.

O isolamento será controlado e monitorado pelo Ministério da Saúde da Bolívia.

Será exigida uma declaração do lugar de estadia no território boliviano. Após sete dias de isolamento, o viajante deve fazer outro teste RT-PCR. Os custos serão cobertos pelos passageiros.

Caso o exame dê positivo, as medidas necessárias serão tomadas.

Além disso, o país exige que os estrangeiros que não têm moradia fixa na região, contratem um seguro de saúde com cobertura para a Covid-19, que cubra os gastos com o tratamento.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui