Aeroporto local

 

A Secretaria Nacional de Aviação Civil (SAC), do Ministério da Infraestrutura, autorizou o Governo de Mato Grosso a dar início ao processo licitatório para obras de reforma e ampliação do aeroporto regional de Tangará da Serra. O Estado estima investir R$ 5,1 milhões nas obras, que também receberá contrapartida do Fundo Nacional de Aviação Civil (FNAC), totalizando R$ 10 milhões de investimentos.

O projeto elaborado pela Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística (Sinfra) contempla o recapeamento de toda a pista de pouso e decolagem. Além disso, o projeto prevê a construção de novo pátio de aeronaves com mais de 15 mil metros quadrados e nova taxiway, ambos já com estrutura de pavimento para jatos de maior porte.

Estão previstas ainda obras de drenagem, sinalizações horizontal e vertical, balizamento luminoso, iluminação do pátio, biruta iluminada, PAPI e farol rotativo, iluminação da área operacional, casa de força e gerador, obras complementares, entre outros itens.

“Desenvolvimento da aviação regional será fomentado”, afirma Secretário

Para o secretário de Estado de Infraestrutura e Logística, Marcelo de Oliveira, a autorização para que o Governo possa dar o devido andamento ao processo licitatório vai assegurar não apenas o investimento em infraestrutura aeroportuária, como também fomentar o desenvolvimento da aviação regional e sub-regional de Mato Grosso, além de todo o Estado.

“Tangará da Serra é um município-polo e de grande importância econômica para a região e Mato Grosso, e a reforma fará com que o aeroporto suba para a categoria 3C, pois a extensão da pista terá 1.500×30 metros. Ou seja, vai atrair novas empresas aéreas e mais rotas conectando Mato Grosso a outras capitais brasileiras e proporcionar o desenvolvimento de nosso Estado”, afirmou o secretário.

Autorização obtida pela SAC provém de Termo assinado em 2017

De acordo com a superintendente de Desenvolvimento de Modais da Sinfra, Maksaíla Campos, a autorização obtida pela SAC provém de um Termo de Compromisso para investimentos na aviação regional firmado pela Sinfra junto ao órgão no ano de 2017. “Esse termo foi assinado em anos anteriores e somente nesta atual gestão do Governo de Mato Grosso conseguimos avançar com todo o processo e agora obter essa importante autorização que garantirá a melhoria do aeroporto de Tangará da Serra“, enfatizou.

Todos os investimentos a serem aplicados pelo Estado nessas obras de reforma e ampliação fazem parte do programa Mais MT, no eixo Infraestrutura. Somente a reestruturação e ampliação da malha aeroportuária do Estado receberá um investimento da ordem de R$ 56,4 milhões, que serão destinados pelo Governo do Estado para a execução de obras e projetos até 2022.

Sobre a aprovação, o diretor de investimentos da SAC, Eduardo Bernardi, ressaltou a importância do investimento para a região. “Tangará da Serra é importante polo regional agroindustrial. Essa etapa de obras permitirá ao município ampliar os voos comerciais com aeronaves de maior porte, como o ATR 72, trazendo mais desenvolvimento à região”, disse.

Sinfra-MT com informações do Ministério da Infraestrutura

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui