Reunião entre representantes de entidades

Em reunião ocorrida na manhã desta segunda-feira, 22, no auditório da Acits, iniciou-se o processo para atualização do Perfil Socioeconômico de Tangará da Serra. Representantes da Prefeitura Municipal, da Câmara Municipal, da Universidade do Estado de Mato Grosso (Unemat), da Associação Comercial e Empresarial (ACITS) e do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (SEBRAE) participaram da reunião.

O projeto tem como meta traçar o novo perfil socioeconômico do Município, focado nos mais diversos setores, norteando as políticas públicas municipais, os investimentos públicos e privados para os próximos 30 anos. Representando a Prefeitura, o secretário de Indústria, Comércio e Serviços, Sílvio Sommavilla, destaca que o último trabalho do tipo havia sido feito em 2011 e, agora, quase 11 anos depois entidades voltam a focar no projeto. “É um projeto muito relevante, possibilitará a criação e publicação de um Perfil Socioeconômico atualizadíssimo, completo, que servirá como ferramenta para auxiliar o Executivo Municipal, além de atrair investimentos para Tangará da Serra”, destacou.

“Tudo o que tivermos de potencialidades em Tangará iremos registrar e organizar, de A a Z, com fotos, mapas, números, com informações e com pesquisas”, completou Sommavilla.

Representante da Câmara, o presidente Fábio Brito defende a necessidade de organizar o perfil com as potencialidades locais. “Somos a quinta maior cidade de Mato Grosso e queremos ir além, precisamos nos unir em prol de organizar e catalogar nossos potenciais, para bem divulgar captando recursos, obras e serviços para nossa cidade, além das grandes indústrias gerando milhares de empregos diretos e indiretos. Não podemos perder este momento de convergência”, disse.

O diretor do Campus da Unemat Tangará da Serra, Magno Alves, destaca que há necessidade de convergência entre os vários setores, lacuna preenchida com o projeto. “Importante essa união para que possamos maximizar as informações, os dados e elevar as informações do nosso município. Temos muitas virtudes, que precisam estar convergindo. Essas informações existem, mas estão dispersas, esperamos organizá-las em curto espaço de tempo e colocá-las a disposição da população e dos potenciais investidores”, destacou Magno

Para o presidente da ACITS, Júnior Rocha, a atualização e publicação do perfil socioeconômico possibilitará o surgimento de novos investimentos no município. “A Acits tem um interesse enorme nesse núcleo de pesquisa, nessa base de dados, pois só com isso consegue atrair o investidor, o empresário que quer investir em Tangará da Serra, que está buscando oportunidade de negócio. Com esse perfil vamos conseguir vender os nossos potenciais para esses empreendedores”, destacou Júnior.

PERFIL SOCIOECONÔMICO

O projeto agregará aspectos econômicos (agrícola, pecuária, comércio, turismo), geográficos, ambientais, demográficos, além de pontos ligados a infraestrutura urbana, renda, abastecimento de água, saneamento, frota de veículos, planejamento estratégico, núcleos industriais, aspectos sociais, qualidade de vida, esporte, cultura, segurança, educação, saúde, assistência social, comunicação, construção civil, e outros.

ENTIDADES

Representando a Prefeitura Municipal, além do secretário de Indústria, Comércio e Serviços, Sílvio Sommavilla, participaram da reunião o Ouvidor do Município, José Maria Barbosa, o Superintendente de Governo Alysson Rodrigues Vargas e a Superintendente de Escritório de Projetos, Letícia Graziella Teixeira Nunes. Também participaram os professores da Unemat, Ariel Lopes Torres e Mário Geraldo Ferreira, o administrador da ACITS, Jorge Nazzari, e representante do SEBRAE.

Alexandre Rolim/Assessoria de Comunicação