No documento o parlamentar apresenta três alternativas que poderiam beneficiar tanto consumidores residenciais, quanto comerciais

O vereador Professor Vagner Constantino Guimarães (PSDB) protocolou na manhã desta quinta-feira, 9, um ofício destinado ao Prefeito Municipal de Tangará da Serra, Fábio Martins Junqueira e ao diretor do Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgoto (Samae), Wesley Lopes Torres, sugerindo estudo e apresentando sugestões dos munícipes tangaraenses para os próximos 90 dias, referente as tarifas de cobranças de água.

No documento o parlamentar apresenta três alternativas que poderiam beneficiar tanto consumidores residenciais, quanto comerciais. Na primeira ele sugere que a autarquia faça um estudo e cobre apenas a tarifa mínima por CPF, e um desconto considerável e equilibrado para os CNPJ, “evitando assim o acumulo de contas e consequentemente um aumento no déficit dos pagamentos, dando oportunidade das pessoas conseguirem pagar suas tarifas de consumo da água durante o período desta noventena”.

Caso não seja possível colocar em prática a sugestão da primeira alternativa, o vereador apresenta uma segunda opção: para que seja emitida as tarifas de água, mais fazendo a suspensão dos pagamentos por 90 dias. “E depois faça a dissolução desses valores em 12 meses para os contribuintes pagarem de forma parcelada os débitos deste período de noventena quando retomar as atividades normais”.

Finalizando, ele sugere que acatando a sugestão 1 ou 2, que seja feita uma campanha visando estimular a população tangaraense a economizar água durante esse período, pois, segundo ele, o Samae já estaria contribuindo com a população em relação a todos os problemas causado pela pandemia do Covid-19.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui