Por Márcio Falcão, TV Centro América

Inês Moraes Mesquita Coelho foi reeleita pelo partido democratas com 1.392 votos.

O registro foi indeferido porque ela é esposa do ex-prefeito Odoni Mesquita, que governou Torixoréu entre 2013 e 2016.

Depois disso, ela foi eleita em 2016 e agora em 2020 tentava a reeleição, mas a legislação federal não permite mais de dois mandatos seguidos de um mesmo grupo familiar.

Foi o que levou em consideração o ministro Luis Felipe Salomão para determinar a nulidade dos votos recebidos por ela. O presidente da câmara de vereadores de torixoréu deve assumir o cargo de forma temporária até que a nova eleição seja feita.

A reportagem entrou em contato com a prefeita, que disse que já foi notificada da decisão e que os advogados vão entrar com recurso na última instância, que é o Supremo Tribunal Federal (STF).

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui