Por Denise Soares, G1 MT

G1 tenta contato com a defesa do deputado.

O relator do processo é o juiz federal Fábio Henrique Rodrigues Fiorenza. Todos os juízes acompanharam o voto dele e optaram pela cassação do político.

Motorista e passageiro foram presos com quase R$ 90 mil em porta-malas de carro na BR-070 em Poconé — Foto: Polícia Rodoviária Federal de Mato Grosso

Motorista e passageiro foram presos com quase R$ 90 mil em porta-malas de carro na BR-070 em Poconé — Foto: Polícia Rodoviária Federal de Mato Grosso

“O veículo adesivado, com valores em dinheiro, santinhos, os depoimentos dos policiais. Não há outra constatação de que aquele valor teve origem no escritório do representado [Avalone] e que estava sendo conduzido para finalidades políticas e estaria sendo destinada para compra de votos”, disse o presidente do TRE, desembargador Gilberto Giraldelli.

“A classe política tem que ter consciência de que qualquer tipo de descumprimento da lei eleitoral tem consequências e as consequências são graves. É perda de mandato e é irremediável”, finalizou o desembargador.

Engenheiro civil, Avalone era suplente e havia assumido a vaga do ex-deputado Guilherme Maluf (PSDB), que também foi empossado como conselheiro do Tribunal de Contas Estadual (TCE), em março de 2019.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui