A Secretaria Municipal de Saúde realizará neste sábado, 13/02, um drive-thru para imunização de idosos com idade a partir de 85 anos em Tangará da Serra. A vacinação acontecerá entre as 14h e as 18h no Estacionamento da Havan.

Uma equipe de profissionais do Município estará envolvida na vacinação, sendo que o idoso não precisará sair do carro para receber a vacina. A Secretaria de Saúde garante que o sistema drive-thru tem demonstrado grande eficácia, pois impede aglomeração e protege as pessoas do sol e da chuva, além de evitar a busca pelas unidades de saúde.

De acordo com a Secretaria, os requisitos obrigatórios para a imunização são: ter no mínimo 85 anos de idade completos, ser residente em Tangará da Serra e apresentar o cartão de vacina e documento de identidade.

Segunda dose
Nesta quarta-feira, 10/02, a Secretaria está aplicando a 2ª dose nas pessoas que tomaram a 1ª dose da Coronavac entre os dias 19 e 25 de janeiro. Para se imunizar, o paciente deve levar o cartão de vacina e documento pessoal. A imunização acontece na Clínica da Família.

Linha de frente

Além da 2ª dose, a Secretaria Municipal de Saúde convoca os trabalhadores da saúde que atuam na Linha de Frente e que ainda não tomaram a primeira dose para se dirigirem a Clínica da Família no dia 12/02/2021, entre as 7h30 às 10h30, para se imunizarem. Para isso são requisitos obrigatórios:
– Estar na lista enviada pelo estabelecimento de saúde de atendimento a paciente COVID-19;
– Levar cartão de vacina e documento de identidade.

Demais trabalhadores da saúde
A Secretaria ainda convoca os demais trabalhadores da Saúde para irem no dia 12/02/2021, entre as 13h30 e às 17h (ou até quando durar o estoque de doses) para tomar a primeira dose da vacina. Há disponibilidade de 200 doses e a aplicação, exclusiva para trabalhadores da saúde, será por ordem de chegada. Os requisitos obrigatórios são:
– Fazer o cadastro no link: https://forms.gle/LYm2zwYngN8Hh7PW8
– Levar a Declaração do Estabelecimento de Saúde que labora, constando nome completo, CPF, função e CNES;
– Levar cartão de vacina e documento de identidade.

Alexandre Rolim/Assessoria de Comunicação

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui