Um motorista foi preso com 750 kg de cocaína escondidos em carga de milho de um caminhão que foi abordado por policiais civis na noite dessa quarta-feira (11), em Várzea Grande, região metropolitana de Cuiabá.

Segundo a Delegacia Especializada de Repressão a Entorpecentes (DRE), foram apreendidos 15 fardos, com 30 tabletes de cloridrato de cocaína cada, ocultados em uma carga de milho.

A grande quantidade de entorpecentes, totalizando 450 tabletes da substância foi apreendida durante a abordagem do caminhão na Rodovia dos Imigrantes, BR-163. O motorista do veículo foi autuado em flagrante pelo crime de tráfico de drogas.

Os investigadores da DRE receberam denúncia anônima de que um veículo era utilizado para o transporte de uma carga de entorpecentes.

Segundo as informações, a droga escondida entre grãos de milhos saiu da cidade de Nova Mutum com destino a Cuiabá.

Diante da denúncia, as equipes de investigadores da DRE foram distribuídas em vários pontos da Rodovia BR-163, com objetivo de identificar o veículo e realizar a abordagem.

O caminhão bitrem foi localizado próximo à entrada do bairro São Matheus, onde os policiais realizaram a abordagem do motorista. O condutor ficou nervoso ao ser interrogado no local.

Segundo o suspeito, a carga foi recebida em Nova Mutum com destino de entrega em Cuiabá, porém, a nota fiscal do carregamento de grãos apontava como destino final um armazém no município de Mogi Guçu (SP).

Após várias contradições, o suspeito confessou que havia 15 fardos de cloridrato de cocaína escondidos entre a carga de milho.

Com a descarga dos grãos, foram encontrados os pacotes totalizando 450 tabletes da droga, com o peso de aproximadamente 750 kg de droga.

A droga foi apreendida e encaminhada para a perícia. O motorista foi conduzido à DRE e foi autuado em flagrante pelo crime de tráfico de drogas.

Com informações do G1

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui