Fabíola Tormes / Redação DS 

“Não vamos medir esforços, já que aqui não temos leito suficiente. Nenhum munícipe vai ficar sem atendimento”

O setor público de saúde de Tangará da Serra não dispõe mais de vagas em leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para pacientes com Covid-19. A informação foi divulgada nesta segunda-feira, 11, pela Secretaria Municipal de Saúde.

Com a lotação, pacientes precisam ser transferidos para outras unidades de saúde do Estado. “Essa noite já fizemos a transferência de paciente de Tangará para UTI do Metropolitano, em Várzea Grande”, informou a secretaria Municipal de Saúde, Gicelly Zanatta, em coletiva à imprensa nesta terça-feira, 12.
“Não vamos medir esforços, já que aqui não temos leito suficiente. Nenhum munícipe vai ficar sem atendimento, mas temos dificuldades. (…) Por isso a gente pede que cada um faça a sua parte, para diminuirmos essa curva e com isso atender com os nossos serviços”, pede a responsável.
“Para achatar essa curva precisamos diminuir a transmissão e como faremos isso? A gente não está com a vacina (…) e enquanto isso cabe a cada um de nós higienizar de forma adequada, usar as máscaras e evitar aglomeração. Se cada um fizer a sua parte, a gente vai conseguir melhores resultados”.
De acordo com o boletim epidemiológico, Tangará da Serra soma 8.449 casos, sendo que 8.175 estão curados, 118 seguem em isolamento domiciliar e 41 internados em enfermaria e UTI; e 115 óbitos registrados.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui