A coordenadora do Procon de Tangará da Serra, Ana Flávia Barbosa, fez nesta semana um alerta aos consumidores de Tangará da Serra. De acordo com ela, a população deve ficar em alerta para uma série de golpes que vêm sendo aplicados na cidade, lesando muita gente.

São golpes como a venda de produtos de péssima qualidade, como edredons e cobertores, a utilização de dados confidenciais de cidadãos, empréstimos e consignados fáceis e lesivos aos consumidores, dentre outras modalidades de golpes estão sendo noticiados pela imprensa e investigados pelo Procon.

Procon ou Defensoria Pública devem ser acionados pelos consumidores lesados (Imagem: Arquivo)

“Nós temos registrado um número muito alto de pessoas que estão caindo em golpes, seja questão da compra de produtos, de empréstimos consignados, financiamento”, disse, explicando que na maioria das vezes a pessoa acaba não recuperando o que perdeu.

Ela alerta: “se atentem, depois que já pagou o valor e que o suposto vendedor desapareceu, e você fez depósito de dinheiro, é muito difícil reaver o valor. Lógico, pode ser registrado um boletim de ocorrência, pois se trata de um crime”, disse, recomendando que as pessoas lesadas busquem o Procon, um advogado ou a Defensoria Pública.

O cidadão lesado poderá acionar o Procon pelos telefones 3329-2166 ou 3326-7387 ou podem ir ao órgão na Avenida Brasil, antiga Prefeitura, bem no centro da cidade.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui